Foi conhecido, há poucos minutos, o grande vencedor da edição de 2015 do Ídolos. Alguns meses depois do início da aventura, João Couto venceu a 6ª edição do talent-show da SIC. O jovem ganhou um contrato de artista com a Universal, um Opel Corsa e ainda 30.000€. A debater-se pelo primeiro lugar esteve Sara Martins, contudo acabou por ficar em segundo lugar. O primeiro a sair, ainda durante a segunda parte, foi Paulo Sousa que conseguiu um honroso terceiro lugar.

Publicidade
Publicidade

A última gala desta edição começou com Firestone, de Kygo, pela voz dos três finalistas. Contudo, a acompanhá-los estiveram, em coro, todos os ex-concorrentes. Depois disso seguiram-se três atuações seguidas, uma de cada um dos três finalistas. Nesta primeira fase, Sara Martins cantou Valerie, dos The Zutons, João Couto teve a seu cargo o tema Pica do 7, de António Zambujo, e, a fechar, Paulo Sousa interpretou um mashup de Cry Me a River. Depois desse momento foi a vez de Conchita Wurst subir ao palco do Ídolos Portugal. A convidada da noite apresentou You Are Unstoppable, um dos temas do novo álbum.

João Couto é o grande vencedor da 6ª edição.
João Couto é o grande vencedor da 6ª edição.

Logo depois, os três finalistas interpretaram, cada um, um tema que cantaram nas fases iniciais desta 6ª edição. João Couto, o primeiro a subir ao palco, cantou Englishman in New York, de Sting; Paulo Sousa recuperou o tema Just The Way You Are, de Bruno Mars; já Sara Martins voltou a interpretar Yoü And I, de Lady Gaga. Antes do terceiro classificado ser conhecido, foi a vez de Boss AC entrar em estúdio para cantar Tem Calma, Relaxa. Depois da atuação soube-se que o terceiro lugar ficou para Paulo Sousa que, com lágrimas nos olhos, disse estar “orgulhoso, muito orgulhoso”.

Publicidade

Por fim, seguiram-se atuações dos dois finalistas. João Couto cantou Something, dos The Beatles, e Sara Martins deu voz a Cosmic Love, de Florence And The Machine. Ainda antes de se conhecer a vencedora, os ex-concorrentes também voltaram a subir ao palco para cantar um Medley. Depois da atuação, foi a vez de anunciaram que João Couto é o “novo ídolo de Portugal”. Chama Por Mim, o seu single, foi apresentado no final do programa e deverá estar disponível nas plataformas digitais nos próximos dias.

Leia tudo e assista ao vídeo