O casamento de Jennifer Aniston e Justin Theroux ficou marcado pela tragédia. Apesar de o casamento de ambos já ter sido realizado há uns meses, no passado mês de Agosto, veio agora a público a notícia, através do site noticioso "Radar Online", que uma amiga da conhecida actriz faleceu durante a lua-de-mel do casal. Pelo que se soube, após o casamento Jennifer e Justin convidaram alguns dos seus amigos para participarem numa viagem a Bora Bora, na Polinésia Francesa, onde decorreu a lua-de-mel. No entanto, o clima de festa seria interrompido pela aparecimento do corpo da amiga da actriz, Carmel Musgrove. Existem informações contraditórias, mas é apontado o facto de que o falecimento de Carmel se deu na última noite da viagem.

Após diversas investigações, chegou agora a notícia de que a amiga da actriz terá falecido devido a um afogamento após ter consumido drogas e álcool. Segundo dados avançados pelo mesmo site americano, no quarto da amiga da actriz terão sido encontradas garrafas de bebidas alcoólicas e indícios de consumo de haxixe e cocaína. As autoridades policiais tentam agora descobrir qual a proveniência das drogas que a amiga da actriz consumiu.

Apesar de toda esta tragédia a envolver a própria lua-de-mel, o representante da actriz, após vários contactos da imprensa, veio esclarecer que quando o corpo de Carmel Musgrove foi descoberto, Jennifer e Justin já não se encontravam na ilha da Polinésia, mas sim em Los Angeles. 

Se não fosse este triste episódio esta seria uma história feliz.

Os melhores vídeos do dia

O noivado da actriz com Justin Theroux durou três anos, desde 2012 e esta foi uma cerimónia íntima com amigos chegados do casal num local idílico. 

Este é o segundo casamento da actriz após ter sido casada durante 5 anos com o também actor Brad Pitt, antes deste ter iniciado a actual relação com Angelina Jolie. Após algumas relações conhecidas com Famosos do mundo do cinema ou da música, como Vince Vaughn ou John Mayer, foi com Justin Theroux que decidiu oficializar a relação que tudo tinha para ser feliz, mas que iniciou de uma forma trágica.