Kourtney Kardashian continua a ser a mais emotiva da família nesta nova temporada de "Keeping Up With The Kardashians". Depois de se ter chateado seriamente com Kim, em episódios anteriores, desta vez a mais velha das irmãs descarregou as suas emoções contra o ex-companheiro Scott Disick. Kourtney não segurou as lágrimas depois de Scott ter apresentado os três filhos do casal à nova namorada, a modelo Sofia Richie. A estrela de televisão ficou surpreendida com o ato do pai dos seus filhos, o que levou a uma discussão, apesar de ela mesma ter apresentado os filhos ao então namorado Younes Bendjima.

Scott apresentou os filhos a Sofia Richie

Foi um momento muito complicado para Kourtney, que não conseguiu segurar as emoções.

O programa foi para o ar no canal E! e mostrou o dia em que Scott levou o relacionamento com Sofia Richie para um outro nível, ao apresentar-lhe as crianças. Depois disso, sabe-se já que as crianças até mantêm um bom relacionamento com a jovem modelo, com quem passam bastante tempo.

Afinal, Kourtney e Scott dividem a guarda parental das crianças, que convivem muito com o pai e com a mãe. No entanto, esse dia foi mais difícil para Kourtney, como ela revelou às câmaras do reality show da família: "O pensamento de ter os meus filhos a serem apresentados a outra mulher e terem outra pessoa nas suas vidas, é difícil para mim e é difícil para eles. Há muita coisa a acontecer".

Kourtney e Scoot fazem terapia de casal

O momento mais dramático intensificou-se, quando Kim telefonou a Kourtney, para perceber que a irmã estava chateada e a chorar, apesar de Kourtney e Scott terem combinado fazer isso.

Os melhores vídeos do dia

Durante este episódio, foi possível ver-se que o ex-casal estava a fazer sessões de terapia, para lidarem melhor com a separação, por causa dos filhos.

Foi numa das sessões que eles teriam combinado que Scott ia apresentar os filhos a Sofia, mas apesar de tudo isso, Kourtney acabou por se comover e discutir com Scott, num momento mais tenso do relacionamento do ex-casal.

"Eu não entendo porque é que ela pode apresentar o namorado às crianças, mas tu não podes apresentar a tua namorada. Ela é minha filha, eu não quero estar contra ela, mas eu entendo o teu ponto também", disse Kris Jenner a Scott, ao telefone, numa conversa em que mostrou que queria ficar do lado da filha mais velha, apesar de perceber que Kourtney não estava a ser muito coerente.

O ex-casal continuou, depois, com a terapia, mas a discussão ainda se agravaria mais. Tudo porque Kourtney estava com mais dificuldades em aceitar a aproximação de Sofia Richie aos seus filhos. Apesar de tudo, no final, Kourtney revelou à irmã Kendall Jenner que, apesar dos desentendimentos com Scott, ela sabia que os dois estavam a fazer um excelente trabalho pelos filhos, Mason, Penelope e Reign. "Tentamos dar o melhor de nós para colocarmos as crianças em primeiro lugar", disse Kourtney.